0 Os riscos da dieta sem glúten para uma alimentação equilibrada




Nos últimos tempos popularizou-se a ideia de que o glúten é responsável pelo ganho de peso e que uma dieta gluten-free seria ideal para o processo de emagrecimento, o que fez com que a exclusão da proteína na alimentação virasse moda entre algumas celebridades. A verdade é que ele está presente em alimentos fonte de carboidratos, que quando consumidos em excesso prejudicam o equilíbrio calórico e cortar seu consumo leva naturalmente a uma redução da ingestão de calorias e assim, a uma possível redução de peso. Mas este efeito não está diretamente ligado à retirada do glúten e sim à retirada de alimentos com maior densidade energética.

A nutricionista Mariana Nacarato, da Equilibrium, respondeu várias questões para tirar todas as suas dúvidas e assim desmistificar o tema:


- O que é o glúten e em quais alimentos é encontrado?


É uma proteína presente naturalmente em cereais como o trigo, centeio, cevada e aveia. Alimentos ou receitas que tenham esses grãos ou farinhas na lista de ingredientes, como um molho branco feito com farinha de trigo, por exemplo, também tem glúten. Assim como em pães, bolos, biscoitos, massas e cervejas.


- Retirar o glúten da dieta não emagrece necessariamente?


Por exemplo, uma pessoa que comia um pacote de biscoitos no lanche da tarde ao iniciar uma dieta gluten-free passa a comer uma fruta e emagrece. Naturalmente ela está ingerindo menos calorias e o emagrecimento será reflexo dessa troca e não da retirada da proteína necessariamente. Se ela simplesmente trocar o biscoito de farinha de trigo por um biscoito sem glúten, certamente não irá emagrecer devido a essa mudança específica.


- Quais as principais diferenças entre um pão com e sem glúten?


Esses pães têm texturas diferentes, pois o glúten confere elasticidade e características específicas à massa, resultando em um alimento leve e aerado. Pães gluten-free costumam ser mais secos, "pesados", pouco aerados e normalmente possuem baixa aceitação. - Pão é o produto com mais glúten?


Outros produtos de panificação, como bolos e biscoitos, que utilizam farinha de trigo contém a mesma quantidade de glúten como os pães mais consumidos, como francês e de forma.


- O que é doença celíaca?



A Doença Celíaca é desencadeada pela ingestão de glúten por algumas pessoas que não toleram a proteína no intestino. O consumo da proteína por essas pessoas leva a um processo inflamatório crônico do intestino, prejudicando absorção de diversos nutrientes importantes para o organismo. Estima-se que cerca de dois milhões de brasileiros têm essa doença do sistema imunológico, o que corresponde a 1% da população. Geralmente aparece na infância, nas crianças com idade entre 1 e 3 anos, mas pode surgir em qualquer idade, inclusive em adultos e existe também uma tendência genética.



- Como é uma dieta para celíacos?



É totalmente adaptada, pois é necessário cortar o consumo de alimentos que fazem parte do hábito da maioria das pessoas. Conceitualmente parece simples, mas as mudanças na dieta são substanciais e têm um efeito profundo sobre a vida do diagnosticado. Para os celíacos, alimentos como: pães, bolos e massas devem ser substituídos por versões sem glúten, à base, por exemplo, de farinha de arroz, milho, fubá, fécula de batata, polvilho. Porém esses alimentos nem sempre estão disponíveis em restaurantes, padarias e festas, por exemplo, e isso pode limitar e afetar o convívio social. Frutas, verduras, legumes, tubérculos como batata, mandioca, mandioquinha; castanhas, sementes, leite e derivados podem e devem fazer parte da alimentação também.



- Quais cuidados devem ser tomados pelos celíacos?


Além de retirar os alimentos mais clássicos que contenham trigo, centeio, cevada e aveia; é preciso ficar atento à lista de ingredientes e ao rótulo de todos os itens industrializados, e só consumir produtos que tenham os dizeres "NÃO CONTÉM GLÚTEN". Apesar de não possuírem os cereais na sua composição, alguns podem ter traços de glúten por contaminação cruzada que pode ocorrer desde o plantio, colheita, armazenamento e até mesmo no uso de equipamentos compartilhados, onde se processam ingredientes com e outros sem a proteína. Por isso, a leitura do rótulo dos alimentos é de extrema importância para os celíacos. Para algumas pessoas, inclusive, é necessário ter utensílios de uso exclusivo, como: panelas, torradeira, assadeiras etc.


- O que muda no corpo em uma dieta com ou sem glúten?


A retirada do glúten só trará benefícios para quem tem doença celíaca. Ao descobrirem a doença e seguirem uma dieta específica, os celíacos deixam de consumir essa proteína que é irritativa e prejudicial para o intestino deles. Dessa forma, o intestino passa a funcionar melhor e sintomas intestinais decorrentes da má absorção, como distensão abdominal, diarreia, dor de cabeça e fraqueza vão desaparecendo. A pessoa passa a ter mais energia e fica mais disposta, mas isso apenas se ela apresentar a doença e seguir uma alimentação equilibrada.



- Retirar o glúten da dieta melhora a qualidade de vida? Por quê?


Certas pessoas possuem a auto percepção de serem sensíveis ao glúten e ao retirá-lo da dieta se sentem muito melhor. Porém muitas vezes essa melhora não é comprovada cientificamente e pode ter sido influenciada e induzida pelo que a pessoa acredita. A retirada de alimentos pode gerar estresse, pois existem muitas barreiras, incluindo a disponibilidade de produtos, custo e segurança dos mesmos. Essa restrição acaba atrapalhando e muitas vezes limitando o convívio social, especialmente em situações onde a comida está envolvida, como festas e comemorações. A pessoa pode se isolar com receio de comer certos itens e gerar uma preocupação excessiva com a alimentação, o que não é saudável. Por isso, a retirada do glúten só é indicada para quem realmente precisa, os celíacos.


- Quais os riscos para um não-celíaco que tira o glúten da alimentação?


Uma dieta sem glúten pode levar à ingestão inadequada de vitaminas do complexo B, fibras e ferro, bem como comprometer a saúde do intestino. Muitos alimentos gluten-free são pobres em fibras, importantes para a saúde do coração, o funcionamento do intestino e para a saciedade. Além disso, tendencialmente, pessoas que seguem essa restrição comem mais carne, queijos e ovos, devido à falta de disponibilidade de itens à base de cereais. O alto consumo desses alimentos pode aumentar o colesterol. Sendo assim, uma dieta desequilibrada pode contribuir para o ganho de peso e outros problemas de saúde, além do risco de desenvolver ansiedade pela angústia induzida pela dificuldade de seguir  uma dieta gluten-free. A preocupação excessiva com a alimentação também pode levar ao desenvolvimento de um transtorno alimentar.



- Quais os benefícios para um não-celíaco que retira o glúten da alimentação?


Muitas pessoas ao seguirem uma dieta gluten-free passam a comer mais vegetais, legumes, frutas, castanhas e menos produtos industrializados. Esses alimentos são ricos em vitaminas e minerais e podem colaborar para a manutenção da saúde e a vitalidade. Porém, esses benefícios não estão atrelados a retirada do glúten, e sim a inclusão ou aumento do consumo desses itens. Portanto, eliminar do cardápio os alimentos que contém esta proteína sem que haja uma necessidade real pode trazer consequências negativas para a saúde.

0 Muito além da estética - Colágeno pode ajudar no combate a artrose e outras doenças ósseas




Certamente você já ouviu falar do colágeno e dos benefícios que ele traz para a elasticidade e aparência da pele. Bastante popular na indústria farmacêutica, especialmente em produtos estéticos, sua ação pode ser muito mais abrangente. Novas evidências apontam que esta proteína pode ajudar na prevenção de doenças como artrose e osteoporose graças à seu poder de regeneração de ligamentos e cartilagens.
Amplamente encontrado no organismo, o colágeno representa cerca de 25% de toda proteína corporal e ajuda na formação de fibras elásticas de alta resistência. Essas fibras estão presentes desde a formação de tecidos do feto, e apresentam queda acentuada a partir dos 30 anos de idade, quando sua produção é afetada. Exatamente por isso começamos a perceber os primeiros sinais do envelhecimento, como rugas e linhas de expressão nessa etapa da vida.
Sua própria nomenclatura deixa claro seu papel no organismo – derivado das palavras gregas Kolla (cola) e Genno (produção) o colágeno é literalmente encarregado pela produção da “cola” que compõe e mantém cartilagens, tendões, ossos, pele, veias, tecido muscular e até mesmo os dentes.  Entenda porque é tão importante incluir o colágeno na alimentação e o que podemos fazer para minimizar as perdas na vida adulta.

Colágeno X Envelhecimento

Produzido naturalmente pelo corpo através dos fibroblastos, o colágeno presente em nosso organismo durante a juventude representa até 1/3 de toda nossa estrutura óssea, dérmica e muscular. A capacidade de produção dessa proteína se dá através da digestão, onde o corpo transforma o alimento fonte de colágeno em aminoácidos que serão absorvidos e distribuídos pelo organismo através da corrente sanguínea conforme a necessidade.
O processo de síntese do colágeno é essencial para manutenção da elasticidade e flexibilidade de ossos, ligamentos, tendões, e pele. O grande problema é que ao atingir o vigor físico, por volta dos 25 à 30 anos de idade – os fibroblastos perdem gradualmente a capacidade de sintetizar o colágeno e os níveis dessa proteína no organismo vão diminuindo
Essas mudanças superficiais, que começam a surgir na faixa dos 30 anos, são apenas os primeiros indícios da queda de produção da proteína – aos poucos o enfraquecimento ósseo e muscular é cada vez mais evidente. Doenças decorrentes de esforço físico e desgaste ósseo como artrose, artrite, e fibromialgia tendem a surgir com maior facilidade devido à deficiência de colágeno.
Se não for suprida através da boa alimentação, essa carência pode prejudicar todo tecido ósseo, propiciando lesões e fraturas. Isso significa que muitos sinais próprios do envelhecimento devem-se à queda do nível de colágeno, que pode ser minimizado através da alimentação e suplementação adequada.


Regeneração e recuperação de lesões

A oferta adequada de colágeno pode, não somente prevenir, como regenerar tecidos e aumentar a densidade óssea, combatendo doenças como osteoporose, bursite, tendinite e distensão muscular. Além disso, estudos indicam que uso do colágeno hidrolisado no tratamento de lesões e fraturas podem melhorar a resposta imunológica do organismo, acelerando a regeneração e recuperando tecidos.
Um estudo realizado pelo Departamento de Saúde Pública, Epidemiológica e Econômica da Saúde da Faculdade Pública de Liége (ULG-Bélgica/2012), demonstrou uma redução significativa da dor em pacientes com problemas nas articulações em membros superiores, inferiores ou na lombar que ingeriram colágeno hidrolisado durante o tratamento. Os 200 pacientes de ambos os sexos, acima dos 50 anos e com dores crônicas nas juntas foram submetidos à teste duplo cego com o uso de cápsulas 1200 mg/dia de colágeno ou cápsulas de placebo – isso significa que os pacientes não tinham conhecimento de qual cápsula estava tomando. Ao final dos seis meses de estudo, os pesquisadores concluíram que a resposta clínica à dor do grupo que ingeriu a proteína melhorou significativamente (51%) em relação ao grupo que utilizou placebo.
Pesquisas mais recentes apontam ainda a possibilidade do uso de colágeno no tratamento de fraturas: um estudo da Isra University (Jordânia/Israel) publicado no Jornal Internacional de Farmácia e Ciências Farmacêuticas (IJPPS/2014) avaliou a eficácia do colágeno no tratamento de fraturas na cauda de ratos e também demonstrou resultados promissores – 32 ratos foram divididos em 4 grupos, onde 3 deles recebiam 10, 20 e 30mg/dia de colágeno, respectivamente. Ao fim da pesquisa de observou-se que os ratos submetidos à dose mais baixa de colágeno tiveram uma taxa de cura mais rápida, com o desaparecimento dos edemas e hematomas variando entre 2 e 4 semanas, enquanto parte das cobaias do grupo de controle (que não ingeriram colágeno) não chegaram a curar-se.
No geral, as evidências apontam que o uso do colágeno na recuperação e regeneração de lesões é promissor, e graças à sua baixa toxidade, as doses toleráveis podem variar bastante. Mesmo assim, é possível observar que uma pequena suplementação é suficiente – e até mesmo mais eficaz, para combater os males do desgaste ósseo. De qualquer forma, os estudos na área continuam, até mesmo porque não existe um consenso médico sob a superdose e seus efeitos no organismo.

Suplementação é necessária?

A principal e mais segura fonte de colágeno é a alimentação – mesmo após a fase de declínio da síntese da proteína é possível suprir a carência do nutriente através de uma dieta equilibrada. É possível encontrar diversas facilmente diversas fontes de colágeno nos alimentos, principalmente em proteínas animais como carnes, leite e ovos.
Porém, isso não significa que ao ingeri-los, o corpo ofertará colágeno diretamente nas áreas deficiências do corpo – sua síntese depende outros nutrientes, uma vez que, ao ser ingerida, a proteína é transformada em aminoácido no processo de digestão. Logo, a oferta de colágeno depende da presença de outros nutrientes como as Vitaminas C, E, antioxidantes e zinco. Sem um balanço nutricional adequado, o organismo não ofertará esses aminoácidos como colágeno e os efeitos benéficos da proteína talvez não sejam alcançados.
Após certa idade, fica mais difícil suprir a taxa diária necessária de proteínas e vitaminas somente através da alimentação – mesmo a ingestão diária de famosas fontes de colágeno como a gelatina, pode não ser suficiente. De acordo com a nutricionista Michele Nogueira da Nature Center “Apesar de ser uma boa fonte de colágeno, as gelatinas apresentam baixa concentração dessa proteína, variando entre 0,7 e 2 gramas – muito abaixo dos 10mg/dia necessários para atender a demanda do organismo.”
Sobretudo após os 30 anos, a suplementação com colágeno pode ser considerada – “Aliada à hábitos alimentares e um estilo de vida saudável pode ser muito benéfica. Além de ser uma forma prática de suprir a proteína, fornece mais nutrientes essenciais para construção dos tecidos muscular e ósseo.” – explica.
Porém, é preciso cautela com a suplementação, o colágeno é uma proteína com vasta variação, possuindo cerca de 21 tipos diferentes – a forma hidrolisada é mais adequada para este fim por ser altamente digerível pelo organismo. Além disso, determinados tipos são essenciais para alguns processos físicos – o tipo II por exemplo, é responsável pela formação de cartilagens e ligamentos.
Visando o melhor aproveitamento dessa proteína, a indústria farmacêutica dispõe de novas tecnologias que otimizem a regeneração do tecido ósseo “A biotecnologia permite maior aproveitamento dos aminoácidos e dos tipos essenciais do colágeno, especialmente aqueles responsáveis pela regeneração de tecidos. Formulações mais completa, hidrolisadas e de alta absorção como o Genacol, são mais eficazes.”
De qualquer forma, alguns cuidados são indispensáveis: quando a alimentação não surte o efeito desejado, o primeiro passo é procurar um médico para avaliar a condição física e nutricional, só assim é possível avaliar a necessidade de suplementação.
Fonte: Nature Center

0 SESI encerra mês da mulher com aula gratuita de zumba nesta quinta




Uma aula gratuita de zumba, em dose dupla, encerra as comemorações do mês da mulher do Serviço Social da Indústria (SESI) em Gurupi. A atividade acontece no dia 31 de março, com início às 18h30, no Parque Mutuca e será conduzida pelos professores do SESI, zin Ivan Mousinho e zin Roberto Mendes.

Toda a comunidade pode participar do evento que tem como objetivo, além de homenagear as mulheres, despertar na comunidade o interesse à pratica de atividades físicas e apresentar os benefícios da Zumba, uma forma divertida de queimar calorias e cuidar da saúde.

A modalidade Zumba Fitness é oferecida pelo SESI Tocantins nas unidades de Gurupi (zin Roberto Mendes) e Araguaína (zin Ivan Mousinho). Em Gurupi, os interessados em mais informações sobre os horários e mensalidades podem ligar no telefone (63) 3311-1300. Para saber como participar das aulas em Araguaína, o telefone é (63) 3549-2600.

0 Cirurgia de reconstrução de mama com transposição do reto abdominal é realizada pela 1ª vez no HUP




Neste final de semana foi realizado no Hospital Unimed Palmas pela primeira vez uma cirurgia de reconstrução de mama com transposição do músculo reto abdominal. O procedimento foi coordenado pelos mastologistas Dr. Nilo Coelho dos Santos Júnior e Dra. Tatiana Ferrari Jacinto e contou com a ajuda de um médico especialista convidado, o mastologista Dr. Régis Paulinelli. O procedimento foi executado com sucesso e teve duração de quatro horas.

Sobre o procedimento, o mastologista Dr. Nilo Coelho dos Santos Júnior falou “a cirurgia realizada foi uma reconstrução da mama esquerda com utilização de um retalho do músculo reto abdominal. É um procedimento complexo, descrito nos anos 80, que sofreu modificações e foi aperfeiçoado para diminuir o risco de complicações. É indicado em mulheres que tiveram câncer de mama, que n

0 Saiba o que fiz para perder 15 quilos, conheça o segredo do meu resultado

Antes com 84 quilos
Dia 8 de março com 72 quilos






Tá todo mundo impressionado com a minha perda de peso. Muitos se surpreendem ao me encontrar na rua após ter deixado um manequim 46 pra traz e voltar a caber em um 40.

Minha saga com a perda de peso começou no ano passado. Assim como muitas mulheres (a maioria) me enfiei em dietas malucas que só me prejudicaram.
Foto recente: 69 quilos

A coisa deu certo mesmo, quando com muita resistência (afinal não acreditava que algo natural pudesse fazer efeito) comecei a tomar o Botanical Slimming. Aí sim minha vida mudou. O produto acabou com a minha ansiedade e contribuiu com meu processo de reeducação alimentar, que já tinha iniciado com um nutricionista. Comecei a aliar o suplemento, que inibiu meu apetite, com a boa alimentação e a prática de atividades físicas.

O apoio dos meus amigos também foi fundamental e a cada quilo que a gente perde mais empolgação a gente ganha.


O resultado você vê nas fotos.




Conheça o BOTANICAL SLIMMING

Vendas pelo whats: (63)8141-4480
PALMAS-TO

O objetivo dele é fazer com que perca peso de maneira saudável e eficaz.
Ele inibe o apetite, desintoxica o organismo, elimina os líquidos retidos e inchaço devido a má alimentação rica em sódio. Acelera o metabolismo e diminui a ansiedade.  São 36 cápsulas referente a 36 dias de Tratamento. 1 cápsula por dia 30min antes do café da manhã. Os efeitos colaterais são: Boca seca e sede( mas comigo isso só aconteceu nos 20 primeiros dias). O botanical slimming é um composto natural. . 100 % Natural a base de plantas

Como Tomar:

1 cápsula por dia 30min antes do café da manhã
A média de perda de peso varia de 4 a 14 kg em 36 dias. 🏼Contra indicado para pessoas que possuem problemas cardíacos e respiratórios, gestantes e lactantes, hipertensos, não usar com drogas e álcool (parei de beber, RS)

Onde comprar:


Vendas pelo whats: (63)8141-4480
PALMAS-TO

0 SESI Corrida de Rua do Trabalhador: inscrições serão abertas nesta terça-feira



Os interessados em participar da SESI Corrida de Rua do Trabalhador poderão se inscrever a partir das 15 horas do próximo dia 29 de março clicando no banner do evento que ficará disponível no site www.sesi-to.com.br. Realizada no dia 30 de abril, em comemoração antecipada ao Dia do Trabalhador, a Corrida organizada pelo Serviço Social da Indústria (SESI) terá largada às 19 horas em frente a Unidade da instituição. 
O prazo de inscrições segue até o dia 10 de abril ou até o preenchimento das 1000 vagas disponíveis entre as duas categorias da prova. Os três primeiros colocados nas categorias Geral Industriário (Masculino e Feminino) e Geral Comunidade (Masculino e Feminino) recebem premiação em dinheiro (1º lugar: R$ 600,00, 2º lugar: RS 400,00 e 3º lugar: R$ 200,00). Os três primeiros colocados na divisão por faixa etária ganham troféus.
O desafio é destinado aos trabalhadores da indústria (industriários) e comunidade em geral. Para a comunidade, o valor da taxa de inscrição é de R$ 40,00 e para industriários, com a devida comprovação, de R$ 32,00.
Os primeiros 50 competidores que se inscreverem como doadores de sangue serão isentados da taxa de inscrição, desde que faça a doação dentro do período de inscrição e apresente o comprovante na retirada do kit.
O kit atleta com camiseta, chip e número de peito será entregue nos dias 27, 28 e 29 de abril, das 14 às 21 horas, no Palmas Shopping. Para a retirada, é necessária a apresentação de documento pessoal com foto.
A SESI Corrida de Rua do Trabalhador é a 3ª etapa do Circuito Virgílio Coelho de Corridas de Rua promovido pela Prefeitura Municipal de Palmas por meio da Fundesportes e parceiros.

0 Entenda porque praticar musculação pode te ajudar a emagrecer




Que o exercício físico é essencial para a saúde, ninguém duvida. Porém, o que pouca gente sabe é que o exercício de resistência, focado na construção ou manutenção dos músculos é um dos mais benéficos e pode ser determinante na perda de peso. Apesar de muitas pessoas acreditarem que exercícios aeróbios como caminhada, pedalada e natação são mais eficientes na queima de gordura, estudos têm destacado que a musculação pode ser um grande aliado e até mesmo acelerar o processo de perda de peso, desde que bem orientado.
A ideia de que os adeptos da musculação querem exclusivamente “crescer” faz com que muitas pessoas evitem praticar essa atividade por temer o ganho de peso, porém além de favorecer a perda de tecido adiposo, o treino de resistência ajuda a melhorar diversos aspectos da saúde. Dados apontam que exercícios de força aceleram o metabolismo e favorecem a queima de gordura mesmo em repouso, o que pode potencializar os resultados de um programa de emagrecimento.
Além disso, a dieta própria para ganho de massa magra, rica em aminoácidos também está ligada ao aumento do metabolismo lipídico – aquele responsável pela quebra de gorduras. Esses são apenas alguns fatores pelos quais você deve incluir a musculação no seu programa de exercícios.

Entendendo a balança

Todos sabemos que emagrecer é fruto de uma conta matemática bastante simples: calorias ingeridas x calorias gastas. Ao gastar mais calorias do que consumimos, emagrecemos e vemos o resultado no ponteiro da balança, certo? Nem sempre – tudo depende de como se dá o processo de emagrecimento.
Dietas radicais aliadas à exercícios físicos exaustivos, seja aeróbios ou anaeróbios podem levar a perda de peso em curto prazo, porém o indivíduo pode estar perdendo músculos ao invés de gordura e além disso comprometendo a saúde com a baixa ingestão de nutrientes, essenciais para a manutenção das funções básicas do organismo. O resultado é que por ser tão radical, esse tipo de programa não pode ser seguido por muito tempo e logo o indivíduo volta aos antigos hábitos e recupera o peso perdido – ou até mais.
A primeira coisa que alguém que está focado em emagrecer busca é a perda de peso, porém o programa focado em saúde deve se basear em outro ponto: o índice massa gorda e magra. Esses fatores são determinantes para a perda e, sobretudo, manutenção do peso pois indicam que o indivíduo está efetivamente perdendo gorduras.
Obviamente, os números na balança são o principal indicativo na hora de medir o progresso em um programa de exercícios, porém ao incluir atividades como a musculação, não ver alterações ou até mesmo ganhar peso são resultados possíveis, mas isso não significa que o treino não está surtindo efeito – por incrível que pareça, você poderá estar ganhando peso e emagrecendo ao mesmo tempo, perdendo massa gorda e ganhando massa magra – o que trará muitos benefícios à longo prazo.

Músculos são queimadores de gordura

A massa magra é eficiente na perda de gordura pois o processo de construção e regeneração do músculo exige energia mesmo após o treino. Diferente das atividades aeróbias, onde o gasto calórico é extremo durante o exercício, mas acaba ao fim da sua prática, os exercícios isolados de força – principalmente em grandes grupos musculares, são capazes de queimar calorias durante a depois da prática. Isso acontece porque este tipo de exercício requer grande esforço do músculo, causando pequenas lesões em suas fibras – essas fissuras serão regeneradas durante o período de repouso e demandam um maior gasto calórico. Além de necessitar de muito mais energia para recuperação, esse processo leva ao crescimento do tecido muscular e, consequentemente, ganho de massa magra.
Por isso aliar atividades aeróbias com exercício de impacto são fundamentais para aqueles que buscam o emagrecimento. Somar as vantagens do trabalho cardiovascular e alta queima de gorduras de exercícios como corrida, caminhada e pedalada com a prática de musculação focadas no emagrecimento pode acelerar os resultados e propiciar uma melhora do rendimento nessas atividades, visto que a musculação melhora a resistência e a força do indivíduo.

Dieta e suplementação

É importante lembrar que tanto quanto qualquer outra atividade que vise o emagrecimento, a alimentação é fundamental para os praticantes de musculação. Principalmente por exigir ainda mais do organismo no processo de recuperação do músculo, a dieta dos praticantes desse tipo de atividade deve oferecer suporte nutricional de elementos fundamentais para construção desse tecido: proteínas e carboidratos. Caso contrário, pode acontecer o indesejável catabolismo – quando o músculo é usado como fonte de energia para as atividades, prejudicando o ganho de massa, a perda de peso e ainda aumentando o risco de lesões.
Muito conhecido entre os frequentadores de academias, a dieta rica nesses nutrientes favorece o aumento de massa magra e também a queima de gordura – é o que indica um estudo publicado na revista Exercise and Sport Science Reviews (2013) da American College of Sports Medicine. Nessa pesquisa, estudiosos finlandeses evidenciam que a suplementação de aminoácidos como o BCAA aumentam a utilização de gordura em praticantes de atividades físicas que já possuam um bom condicionamento, durante e após o treino.
Porém, seu uso deve ser feito com cautela – de acordo a nutricionista Michele Nogueira Saúde Vaz da Nature Center “O uso de suplementos proteicos é bastante comum entre os praticantes de atividade física como a musculação, mas é importante frisar que este produto é voltado para atletas de alta performance que não conseguem suprir as necessidades nutricionais através da alimentação. Para iniciantes uma dieta equilibrada com alimentos variados pode ser suficiente, de qualquer forma a necessidade de suplementação deve ser sempre observada por um nutricionista”.

Cuidados indispensáveis

Além de seguir uma dieta equilibrada e orientada por um profissional é fundamental que o indivíduo siga um estilo de vida saudável, alternando os grupos musculares trabalhados e priorizando o período de repouso, dormindo pelo menos 8 horas por dia. Essa etapa é fundamental para recuperação e crescimento da massa magra. Além disso a orientação de um profissional de educação física é indispensável na hora de elaborar o melhor treino para cada tipo físico, focando aspectos de estilo de vida e condição de saúde. A musculação, como qualquer atividade, necessita de cuidados básicos na execução afim de garantir a segurança do indivíduo.

Benefícios da musculação

Ajuda a controlar o peso

A queima de gordura promovida pela musculação vai além da tradicional energia gasta durante o exercício – o grande diferencial dessa atividade é sua capacidade manter o metabolismo acelerado mesmo após o término do treino. Diferentemente do tecido adiposo (gordura), o músculo precisa de mais energia para manter seu ciclo de resposta e regeneração, isso significa que, quanto mais massa magra, mais calorias o corpo precisa queimar para produzir energia. Logo, a musculação é uma grande aliada ao emagrecimento e manutenção do peso.

Rejuvenesce

Após a faixa dos 30 anos de idade o corpo começa a perder massa muscular de forma acentuada, prejudicando diversos aspectos físicos e o próprio desempenho do indivíduo em atividades cotidianas. Porém, a prática exercícios de força regulares pode ajudar a retardar esse processo, mantendo a saúde muscular por mais tempo e reduzindo o acúmulo de gordura. A musculação ajuda a melhorar a aparência física como um todo: ganho de tônus muscular, definição, combate à flacidez e celulites. Além disso, o exercício de força ajuda a aumentar a flexibilidade do corpo, melhorar a postura através dos alongamentos musculares praticados durante a atividade.

Previne doenças

A resistência muscular ajuda a prevenir doenças como a osteoporose e artrose, visto que os músculos são a principal proteção dos ossos. Trabalhar e fortalecer o tecido muscular reduz as chances de fratura e do desenvolvimento de problemas como osteoporose. Isso acontece graças à maior absorção de cálcio promovida pela prática de exercícios intensos. Estudos apontam que a associação da musculação com outras atividades de impacto ajudam a aumentar a densidade óssea. O estímulo cardíaco durante o exercício também ajuda no condicionamento cardiovascular, no controle do colesterol e da pressão sanguínea.

Promove a qualidade de vida

Os resultados dessa atividade física estão intimamente ligados ao estilo de vida do praticante, por isso muitas vezes representa um estímulo para mudanças saudáveis como a reeducação alimentar, o abandono de vícios como cigarro e álcool, além de promover interação social. Diariamente muitas pessoas encontram na atividade física a força necessária para realizar grandes mudanças, conquistando um novo círculo de amizades e muito mais qualidade de vida.
Fonte: Nature Center

0 Strategy boots Ferracini 24H: as botas que todo homem deve ter no seu closet!






As boots conferem mais estilo para o outfit masculino e podem revolucionar desde um simples visual com calça jeans e camiseta, até os looks com peças mais elaboradas, com uma camisa ou blazer. A Ferracini 24H traz várias opções para o homem, seja qual for o perfil e os compromissos dele durante o dia. Para seguir o mood, a dica é optar por modelos na cor preta, tonalidade sóbria, versátil, elegante e fácil de coordenar com o restante do visual.

Uma das opções é a bota Caravaggio Pré, modelo com solado em couro, design minimalista, e o toque moderno do solado vermelho. O calçado é inspirado no clima urbano e tem como características a elegância e o arrojo, perfeitos para o homem contemporâneo que valoriza a estética e a funcionalidade. Ele pode coordenar com looks de trabalho ou para compromissos formais, combinando com ternos.

Trazendo uma característica mais outsider e voltados para um homem com espírito de aventura e ousadia, os modelos Pionner, Pionner Plus e Camel têm em comum o solado tratorado. O detalhe continua em alta na moda masculina, seguindo a tendência militar, que volta renovada; e vem associado com o benefício easywear, com o zíper no lugar do cadarço. Os calçados vêm ainda com forro em tecido, calcanheira em látex e o solado de borracha natural com salto em MDF. São modelos robustos e duráveis, e muito confortáveis. O homem pode usar os calçados com blazers e camisas, para situações mais casuais ou em um happy hour.

A bota Chelsea tem design moderno, toque rústico e um mix de texturas, evidenciado pela mistura de couro e camurça. São modelos que contemplam a estética outdoor, mas que são perfeitos para desbravar o cenário urbano com liberdade e atitude. E proporcionam ainda todo o conforto típico da Ferracini 24H, fundamental para o homem que precisa de bem-estar durante todos os seus compromissos. Para compor visuais no dia a dia, camisetas ou camisas sociais são apostas certas.

0 Páscoa saudável: chocolate previne câncer e doenças cardiovasculares




Comer chocolate para diminuir riscos de doenças cardiovasculares e de câncer. Até mesmo diminuir o colesterol ruim e pressão arterial. Parece receita milagrosa, mas a Páscoa pode ser um feriado para lembrar-se de hábitos saudáveis e trazer benefícios à saúde.

O segredo está em escolher os chocolates amargos, aqueles com gosto mais forte. Eles possuem maiores quantidades de cacau, alimento com grande concentração de oxidantes naturais, os flavonoides. Estes oxidantes que são responsáveis por prevenir o câncer, protegendo as células das degenerações causadas pelo tumor. Além disso, o chocolate amargo dilata os vasos sanguíneos, e acaba por diminuir a incidência de ataques cardíacos e derrames.

Márcio Almeida, médico da Aliança Oncologia, reforça a importância do cacau para prevenir vários tipos de câncer. “Substâncias encontradas no cacau do chocolate escuro reduzem o risco de câncer colorretal. E segundo pesquisas da universidade da Louisiana, nos EUA, micróbrios presentes no intestino fermentam o cacau e o transformam em anti-inflamatórios que ajudam no funcionamento do coração”, explicou.

Chocolates com concentração de cacau acima de 60% são capazes de fornecer os efeitos positivos. Nutricionista da Aliança Oncologia, Gabryella Batista alerta para os exageros com o chocolates, e recomenda a quantidade certa para ingerir na Páscoa. “Devorar vários ovos de páscoa não deixar ninguém mais saudável. Para se obter todos esses benefícios, é indicado ingerir 30g por dia”, calcula. 

0 O Boticário lança nova coleção de Make B. contrastando a feminilidade e leveza do ballet com o cenário das grandes cidades




O clássico e o moderno. A delicadeza e a força. A leveza e a atitude. A dualidade presente no dia a dia da mulher moderna foi o ponto de partida para a criação deMake B. Urban Ballet, nova coleção da linha premium de maquiagem de O Boticário que promete surpreender com cores e itens must have da temporada. A novidade, que conta com produtos especialmente decorados e compactados no mood do ballet urbano, estará disponível nas lojas, no e-commerce e com as revendedoras O Boticário a partir de 21 de março, em edição limitada.
 “A mulher urbana, forte, dona de si e repleta de responsabilidades também busca os seus “pequenos paraísos” no romantismo e na suavidade para se aproximar de sua essência. Tecidos fluidos, tules e fitas já são elementos presentes na moda, assim como a releitura do ballet foi incorporado no comportamento de muitas mulheres. Make B. traduz essa tendência para a beleza de maneira inusitada e inspiradora” explica Mirele Martinez, gerente de categoria Maquiagem de O Boticário. “Make B. Urban Ballet traz sofisticação, força e delicadeza em produtos especialmente desenvolvidos para a mulher brasileira”, completa.
Ao todo, a coleção apresenta 23 itens que permitem múltiplas possibilidades de looks – batons, mousses labiais, sombras, delineadores, máscara para cílios, lápis para olhos, pó translúcido, duo blush, mousse facial e esmaltes, além de uma fragrância e três acessórios – dois kits de cílios postiços e nécessaire.

Batons com sapatilha de ponta



Os Batons com exclusiva compactação em formato de sapatilha são um dos destaques da coleção. Com textura cremosa, estão disponíveis em quatro cores must have da temporada - Lace Wine, Lace Plum, Lace Salmon e Lace Rose. Os produtos oferecem alta cobertura, hidratação por 24 horas e FPS 25/UVA+++. Ainda para os lábios, são lançadas duas cores de Mousse Labial – Salmon e Plum Avenue. Com efeito mate e textura cremosa, não acumula nos lábios e proporciona longa duração.


Outra inovação que Make B. Urban Ballet traz é o novo visual dos Quartetos de Sombra, do Duo Blush Plié e do Pó Translúcido Tule. Eles chegam em embalagem quadrada e com compactação que lembra o trançado da fita das sapatilhas das bailarinas, traduzindo o conceito da coleção. O Duo Blush Plié traz a junção de duas tonalidades – bronze e rose – ideais para todos os tons de pele. De textura macia, o item destaca pontos específicos da face de forma sofisticada e natural. Já oMousse Iluminador Facial Romantic Light complementa a produção proporcionando um brilho acetinado com uma leve cintilância. Com toque seco e rápida absorção, não deixa a pele oleosa. Outra novidade do Pó Translúcido Tule é que ele ajuda a prolongar a fixação da maquiagem e corrigir pequenas imperfeições. Ideal para todos os tons de pele, tem efeito mate e é indicado para finalizar e retocar a maquiagem ao longo do dia, mantendo uma aparência natural e sedosa.
Nos olhos, a delicadeza com um toque de glamour fica por conta da Sombra Duo Effect+. A nova tecnologia permite diferentes acabamentos quando a sombra é aplicada com o pincel seco ou úmido, possibilitando o dobro de tonalidades. A alta pigmentação e alta performance proporcionam textura aveludada e longa duração. Outra aposta inédita da coleção para a temporada é a Máscara Double Drama. O item proporciona 12 vezes mais volume* e máximo alongamento para os cílios por contar com duplo aplicador – de um lado, proporciona alongamento e definição. Do outro, volume.
Também para realçar o olhar, a coleção tem duas opções de cores de Lápis para Olhos. O produto é o primeiro lápis da marca com aplicação gel touch, que garante toque macio, permitindo traços mais expressivos e marcantes. Já o Delineador Líquido traz o diferencial do efeito metálico com duas opções de cores – ônix e bronze.
Para as mulheres que adoram diversos produtos em um único item, Make B. Urban Ballet lança a Palette de Maquiagem Royal Case com itens e cores que atendem a diversidade de pele e gosto da brasileira. Tem tudo o que é preciso para um look completo – sombras, blushes, máscara para cílios, brilho labial, pinceis e espelho. Sem a bandeja de produtos, ela ainda pode ser utilizada como uma delicada clutch. Nas mãos, o toque final fica por conta de cinco cores de Esmaltes - eles contam com fragrância, alto brilho e secagem rápida.

Acessórios
Em acessórios, três novidades prometem entrar na lista de desejos das consumidoras – duas opções de Kit de Cílios Postiços, nas versões para o dia e para noite, e Nécessaire de mão em formato de clutch com acabamento em glitter.

Perfumaria


Assim como em todas as coleções de Make B., Urban Ballet apresenta uma fragrância que representa o conceito da coleção para deixar as produções ainda mais completas. Da família floral amadeirada, Make B. Urban Ballet Desodorante Colônia revela o contraste de notas florais leves e frescas com especiarias logo nos primeiros segundos. Na sequência, notas amadeiradas cremosas, como cashmeran, marcam presença ao lado da rusticidade do vetiver. Por fim, o acorde marcante e sofisticado daTulipa Negra assina a fragrância com a força da feminilidade.

Serviço:

Make B. Urban Ballet Desodorante Colônia
Casa de fragrância/perfumista: Givaudan / Hernan Figoli
Família Olfativa: Floral amadeirado
Pirâmide Olfativa: Saída: pera, flores transparentes e cardamomo
Corpo: acorde tulipa negra, notas de rosas aveludadas e lírio
Fundo: cedro, cashmeram, notas de caramelo e vetiver

Make B. Urban Ballet Batom Cremoso
Alta cobertura na primeira aplicação
Hidratação de 24 horas
Duração de até 6 horas
FPS 25 UVA+++
Dermatologicamente testado
Disponível nas cores: Lace Wine, Lace Plum, Lace Salmon e Lace Rose

Make B. Urban Ballet Mousse Labial
Efeito mate
Textura cremosa, parecida com mousse
Alta cobertura
Desliza facilmente nos lábios
Longa duração
Não migra ou escorre
Dermatologicamente testado
Disponível nas cores: Plum Avenue e Salmon Avenue

Make B. Urban Ballet Quarteto de Sombra
Alta intensidade de cor
Duração de até 10 horas
Tecnologia Duo Effect+: diferentes acabamentos quando aplicado com pincel seco ou molhado (fórmula especialmente desenvolvida para diferentes efeitos)
Fácil de aplicar, espalhar e esfumar
Dermatologicamente testado
Oftalmologicamente testado
Disponível nas cores: Black Boulevard e Rose Boulevard

Make B. Urban Ballet Delineador Líquido
Longa duração
Proporciona traço fino e preciso
Fácil de retirar o produto com água morna
Duração de até 8 horas
Alta cobertura
Dermatologicamente testado
Oftalmologicamente testado
Disponível nas cores: Shine Onix e Shine Bronze

Make B. Urban Ballet Máscara para Cílios Double Drama
*12 vezes mais volume para os cílios – resultado obtido por meio de testes de eficácia percebida realizados pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento do Grupo Boticário com voluntárias.  
Máximo alongamento dos cílios
Dois aplicadores: o lado branco define e alonga. O preto, dá volume.
Duração de até 10 horas
Secagem rápida
Fácil de aplicar
Dermatologicamente testado
Oftalmologicamente testado

Make B. Urban Ballet Lápis para Olhos
Tecnologia Gel Touch que proporciona toque macio
Traçado e cor uniforme na primeira aplicação
Desliza com facilidade
Boa aderência e alta cobertura
Duração de até 10 horas
Dermatologicamente testado
Oftalmologicamente testado
Disponível nas cores: Romantic Rose e Dramatic Blue

Make B. Urban Ballet Pó Translúcido Tule
Efeito translúcido que não aparece na pele
Efeito mate - ideal para minimizar o brilho da pele ao longo do dia
Para os diferentes tons de pele
Com difusores ópticos na fórmula que disfarçam e corrigem pequenas imperfeições da pele
Textura macia/ultrafina
Dermatologicamente testado

Make B. Urban Ballet Duo Blush Plié
Textura macia
Para todos os tons de pele
Duração de até 4 horas

Make B. Urban Ballet Mousse Iluminador Facial Romantic Light
Textura mousse
Toque seco, rápida absorção e não deixa a pele oleosa
Proporciona brilho acetinado, bronze rosado com cintilância
Se adapta bem a qualquer tom de pele
Durabilidade de até 8 horas
Dermatologicamente testado
Oftalmologicamente testado

Make B. Urban Ballet Esmalte
Secagem rápida
Alta cobertura
Longa Duração
Alto brilho com resultado imediato
Com fragrância
Dermatologicamente testado
Disponível nas cores: Black Way, Dark Pink, Way Deep, Blue Way, Chic Way e Salmon Way

Make B. Urban Ballet Palette de Maquiagem Royal Case
6 sombras em pó
2 blushes
1 máscara para cílios
1 brilho labial
Aplicadores e espelho interno

Make B. Urban Ballet Cílios Postiços
Com cola
Disponível nas opções: City Day e City Night

Make B. Urban Ballet Bolsa de Mão
Acabamento em glitter
Dimensões aberta: 25.8 x 20.8 cm
Dimensões fechada: 25.8 x 12.5 cm

PUBLICIDADE

Coisas da Erica Lima © Copyright 2012.|TODOS DIREITOS RESERVADOS| Feito porLaysa layout.
;